Géssica Hellmann & Alex Oliveira

Missão: Registramos neste blog nossas pesquisas e nosso pensamento profissional sobre produção e marketing de conteúdo.



Siga-nos!

   Perfil no Google Plus Feeds RSS


Gostou? Divulgue!

Você tem um blog e gostou de nosso conteúdo? Adicione um botãozinho para nós em seu blogroll. Basta copiar o código a seguir!

O resultado será:
Pesquisa - Redação - Projetos Editoriais



Direitos Autorais

O conteúdo deste blog é protegido por direitos autorais. Se você quiser reproduzir na web qualquer conteúdo originalmente publicado aqui, lembre-se de atribuir a autoria a Géssica Hellmann & Cia. Ltda e incluir um link direto para página de onde copiou o conteúdo.
Licença Creative Commons

Licença Creative Commons
Para mais detalhes, consulte nossa página sobre Direitos Autorais

Protegido contra plágio

Protected by Copyscape Online Plagiarism Test


Como promover seu site publicando comentários em blogs de outras pessoas

Desde que mudei o blog para este endereço, tenho recebido grande número de comentários por dia. Quero começar agradecendo a todos os que se dispuseram a compartilhar seus pensamentos aqui nesta publicação e, também, pedir desculpas pela demora para publicar alguns desses comentários. A administração deste blog não é atividade de tempo integral. Por esse motivo, não é raro ver alertas de comentários por vários dias em meu e-mail antes que possa examiná-los atentamente para decidir quais serão publicados.

É verdade, nem todos os comentários serão publicados. Recebo um grande número de spams postados por bots, grande parte deles sem sentido. Além disso, sigo alguns critérios de publicação de comentários, sendo que os mais importantes estão publicamente disponíveis a partir desta data. Vale reproduzi-los aqui:

IMPORTANTE: Todos os comentários são pré-moderados pelo editor. Comentários ofensivos ou considerados inadequados ao conteúdo do blog não serão publicados“.

Quanto aos comentários ofensivos não há mistério. Mas vale esclarecer um pouco mais detalhadamente o que são os tais comentários “considerados inadequados ao conteúdo deste blog”. Nesse conjunto há de tudo um pouco e procuro usar o bom-senso na decisão sobre o que será publicado. Vejamos alguns casos:

1 – Comentários off-topic, isto é, sobre assuntos não-relacionados ao assunto da postagem, normalmente não são aceitos, a menos que eu julgue que possa ser interessante para meus leitores.

2 – Mensagens puramente promocionais, seja de outros sites, blogs, serviços ou produtos normalmente são deletadas sem pensar duas vezes.

3 – SPAM mal-disfarçado, ao estilo “excelente blog, visite o meu”.

4 – Mensagens com excesso de links são filtradas automaticamente pelo antispam Akismet, o que me obriga a resgatá-las do antispam manualmente. Se você adicionar links e URLs à sua postagem, assegure-se de que sejam realmente úteis para quem vai ler seu comentário.

5 – Críticas destrutivas e deboches me fazem pensar duas vezes antes de autorizar uma publicação. Confesso que a abordagem aqui é subjetiva e a decisão de publicar depende do meu humor na hora de avaliar o comentário.

Os tipos de comentários que são SEMPRE BEM-VINDOS são os seguintes:

1 – Comentários que apontam erros. Gosto muito de ser corrigido. Sempre pesquiso e penso muito antes de publicar qualquer coisa aqui, mas é inevitável deixar passar algumas bobagens. Quando alguém me corrige, sempre fico muito agradecido!

2 – Comentários que acrescentam informações ao assunto da postagem. Esse é o tipo de comentário que todo blogueiro sonha em receber às dezenas. Uma postagem de um blog, mesmo que seja longa, dificilmente é suficiente para esgotar um tema. Um leitor atento que traga informações adicionais, pontos-de-vista alternativos, soluções diferentes para um problema, propostas de ação diferenciadas enriquece extremamente o conteúdo de qualquer blog e faz com que o editor tenha a agradável sensação de que seu trabalho é útil.

3 – Discordância bem fundamentada e em tom civilizado. Um leitor veio reclamar recentemente porque não publiquei o seu comentário, alegando que não fui democrático ao publicar seu ponto de vista discordante. O motivo da não-publicação não foi a discordância em si, mas os termos ofensivos empregados na mensagem. Por outro lado, um comentário do tipo “discordo porque discordo” não acrescenta grande coisa à discussão. Cite suas fontes e apresente fatos para fundamentar sua opinião. Argumente com lógica e civilidade e eu me comprometo a publicar seus comentários, ainda que frontalmente discordantes de meu ponto de vista.

4 – Sugestões de pauta e pedidos de informações adicionais. Quando os próprios leitores dizem o que gostariam de saber, fica muito mais fácil decidir o que pesquisar e publicar. O feedback dos leitores é a fonte de informação mais importante que um editor pode ter.

5 – Críticas e sugestões para melhorar. Como sempre, o tom civilizado é decisivo nesse tipo de comentário, mas é sempre bom saber que o texto poderia ser mais ou menos assim ou assado, que o layout não está sendo bem visualizado no navegador X com a resolução Y, que existe um plugin tal-e-qual que se fosse adicionado ao blog poderia trazer este ou aquele benefício, entre outras.

Não sei você já havia reparado, mas esse conjunto de regras de bom-senso não vale apenas para este blog, mas para quase todos os blogs que você vai encontrar pela frente. Assim, de posse dessas informações, você está pronto para fazer marketing em comentários de blogs! Siga apenas os seguintes passos:

1 – Tema relacionado. Procure blogs cujo tema seja relacionado aos seus produtos ou sites

2 – Leia tudo. Leia as postagens por inteiro e verifique que informações você pode acrescentar para enriquecê-las.

3 – Dentro do tópico. Verifique qual conteúdo do seu site ou característica de seu produto se relaciona com o assunto da postagem e acrescente-a ao comentário com naturalidade, no contexto do tópico que está sendo discutido. Nunca fuja do tópico e evite o excesso de “papo de vendedor”.

4 – Não publique apenas comentários de marketing. Não dê a impressão ruim de que você só comenta no blog quando tem alguma coisa para vender. Mostre que é um leitor regular do blog, realmente interessado no que o editor tem a dizer.

Se você agir dessa maneira, seus comentários serão sempre bem-vindos em todos os blogs que visitar. Fará amigos que não se incomodarão em deixar que você venda seu peixe e que acrescentarão com prazer links ou até banners para seu site sem cobrar nada por isso.

[Editado em 11 de dezembro de 2012: Este artigo foi mantido por razões históricas e por sua utilidade para o leitor, embora nossa empresa tenha adotado a política de incentivar o contato direto através do formulário de contato, tendo abolido neste ano a publicação de comentários de leitores]

Precisa de ajuda? Entre em contato pelo formulário abaixo!







Artigos relacionados

Efeitos da Mídia Social sobre a Audiência: estudo de caso do blog Topada nas Estrelas

Efeitos da Mídia Social sobre a Audiência: estudo de caso do blog Topada nas Estrelas

Efeitos da Mídia Social sobre a Audiência: estudo de caso do blog Topada nas Estrelas

Confira de novo o novo título deste blog: nosso objetivo é explorar diferentes formas de geração de audiência para liberar os webmasters da dependência de resultados de pesquisas Google.

Na tabela acima, você vê uma amostra das 20 visitas mais recentes do blog de celebridades Topada nas Estrelas, gerado pelo StatCounter às 14h57min44s do dia 17 de fevereiro de 2008.

As origens de audiência aparentes nessa amostra são sites de referência e mídia social – Orkut, Digg, Dignow, Farol Comunitário, Via6 – e a busca de imagens Google.

Esse não é um comportamento excepcional, como demonstra o gráfico de origens de audiência do Google Analytics:

Visão geral das fontes de tráfego do Topada nas Estrelas - fonte:Google Analytics

Visão geral das fontes de tráfego do Topada nas Estrelas – fonte:Google Analytics

O gráfico acima, bem como os demais gráficos e tabelas do Google Analytics que ilustram este artigo, cobrem o período de 13 a 17/02/2008.

O blog analisado não é promovido com o uso de anúncios ou links patrocinados. Os sites de referência incluem links espontâneos de outros sites na web e, principalmente, sites de mídia social:

Sites de referência para o blog Topada nas Estrelas - fonte: Google Analytics

Sites de referência para o blog Topada nas Estrelas – fonte: Google Analytics

Próximo ao topo, em quarto lugar como fonte de audiência, aparece outro site de mídia social, o StumbleUpon. Ao longo da tabela, pode-se verificar a presença de outros buscadores entre as fontes de audiência.

Os dados apresentados sugerem que:

(1) O SEO, para sites novos em segmentos de busca altamente competitivos, pode ser uma importante fonte de audiência, embora em volume decepcionante (66 visitas em 4 dias, no caso do blog em estudo).

(2) É possível conseguir expressivo incremento imediato nos números de audiência de um site novo sem gastos em publicidade, através do uso estratégico das mídias sociais. O gráfico abaixo, representando o número de visitantes únicos por dia desde a criação do blog em 31//01/2008 até o dia 16/02/2008, sustenta essa afirmação:

Histórico de audiência do blog Topada nas Estrelas, de 31 da janeiro a 16 de fevereiro de 2008 - Fonte: StatCounter.com

Histórico de audiência do blog Topada nas Estrelas, de 31 da janeiro a 16 de fevereiro de 2008 – Fonte: StatCounter.com

Acreditamos, portanto, que toda estratégia de comunicação via web precisa basear-se, além do SEO, na criação de uma rede de links em sites relacionados e no uso das mídias sociais.

Precisa de ajuda? Entre em contato pelo formulário abaixo!







Artigos relacionados

Serviços de divulgação e Mídia Social: quem sabe como usar, não depende do Google

Não é segredo que as redes e mídias sociais representam o grande desafio do marketing online na atualidade. Alguns desses serviços influenciam diretamente os resultados de pesquisas Google, outros não, por motivos que teremos oportunidade de desenvolver aqui. O importante é perceber que, usando esses serviços, você volta ao bom e velho marketing para seres humanos, assumindo importância secundária os truquezinhos nerds engana-robô.

Se um usuário fica insatisfeito com o resultado de uma pesquisa manipulada, ele xinga o seu site e volta à ferramenta-de-busca para tentar novamente.

Se um usuário fica instisfeito com uma postagem desajeitada em um serviço de mídia social, você está em apuros. Seu site será xingado por centenas de internautas, em fóruns públicos. Muitas vezes, esses xingamentos serão encontrados nas primeiras páginas dos buscadores por meses a fio.

Esse fato implica que você precisa estar aberto ao diálogo. Aprender como se comunicar com diferentes grupos humanos, entender o que eles gostam, ouvir suas críticas e repensar suas atitudes a cada passo.

Dá trabalho? Sem dúvida. Mas os resultados falam por si mesmos. Veja o gráfico atualizado do blog de celebridades Topada nas Estrelas:

Crescimento da audiência do blog "Topada nas Estrelas" via Redes Sociais

Crescimento da audiência do blog “Topada nas Estrelas” via Redes Sociais

Gerado às 19:57h de hoje, esse gráfico mostra a evolução da audiência do blog desde sua criação, em 31/01/2008. Logo nos primeiros dois dias de existência, o blog apresenta números notáveis para uma publicação recém-lançada, sem nenhum investimento em marketing além da geração de conteúdo e divulgação em serviços de mídia social.

Nos dias que se seguem, o blog deixa de ser atualizado regularmente e sua audiência passa a depender apenas do SEO. Não é surpresa que tenha começado a patinar em valores baixíssimos.

No dia 7 de fevereiro o blog volta a ser atualizado. Uma das postagens ganha um link espontâneo em uma comunidade de grande popularidade no Orkut… E a audiência começa a crescer rápida e consistentemente.

Quando o “efeito Orkut” começa a perder força, na data de hoje, outros serviços de rede social são acionados e audiência volta a crescer ao longo do dia, atingindo a marca de 100 visitas por volta das 17 horas de hoje.

Esta breve exposição introdutória já permite estabelecer alguns pressupostos para a promoção de websites:

1 – Gestão de audiência web é um processo contínuo realizado hora-a-hora;
2 – Atualizações freqüentes de conteúdo são fatores-chaves;
3 – SEO, sozinho, é insuficiente como ferramenta promocional;
4 – Quem não dominar as redes sociais estará fadado a ver sua audiência crescer lentamente, sem garantias de que a maior parte dessa audiência será qualificada – isto é, genuinamente interessada em seu conteúdo.

Precisa de ajuda? Entre em contato pelo formulário abaixo!







Artigos relacionados