Géssica Hellmann & Alex Oliveira

Missão: Registramos neste blog nossas pesquisas e nosso pensamento profissional sobre produção e marketing de conteúdo.



Siga-nos!

   Perfil no Google Plus Feeds RSS


Gostou? Divulgue!

Você tem um blog e gostou de nosso conteúdo? Adicione um botãozinho para nós em seu blogroll. Basta copiar o código a seguir!

O resultado será:
Pesquisa - Redação - Projetos Editoriais


Direitos Autorais

O conteúdo deste blog é protegido por direitos autorais. Se você quiser reproduzir na web qualquer conteúdo originalmente publicado aqui, lembre-se de atribuir a autoria a Géssica Hellmann & Cia. Ltda e incluir um link direto para página de onde copiou o conteúdo.
Licença Creative Commons

Licença Creative Commons
Para mais detalhes, consulte nossa página sobre Direitos Autorais

Protegido contra plágio

Protected by Copyscape Online Plagiarism Test


Como o design e as cores do seu site afetam suas vendas

Dados coletados de diversas fontes pela empresa Kissmetrics e consolidados no belo infográfico a seguir (clique na imagem para ampliá-la) respondem de maneira clara e direta à pergunta do título. Apresentamos a seguir um resumo em português de suas principais informações.

Infográfico - "How do colors affect purchases?" (Como as cores afetam as compras). Fonte: Kissmetrics - Clique na imagem para vê-la no tamanho original (570 x 2693)

Infográfico – “How do colors affect purchases?” (Como as cores afetam as compras). Fonte: Kissmetrics – Clique na imagem para vê-la no tamanho original (570 x 2693)

1- Cor e Marketing. 93% dos consumidores colocam a aparência e as cores acima de outros fatores durante a situação de compra. 85% dos consumidores citam a cor como o motivo primário no momento de escolher um produto.

2 – Cor e Marca. O uso da cor aumenta em 80% o reconhecimento da marca, uma variável diretamente ligada à confiança.

3 – Cor e Consumidor. O infográfico apresenta o impacto de 8 cores sobre a percepção do consumidor:

  • Vermelho: Energia, aumenta a frequência cardíaca, cria urgência. Normalmente usada em liquidações.
  • Amarelo: Transmite otimismo, juventude. Usada para captar a atenção das pessoas que olham vitrines.
  • Azul: Sensação de confiança e segurança, normalmente usada em bancos e outros negócios.
  • Verde: A cor mais facilmente processada pelo olho humano. Usada para criar sensação de relaxamento.
  • Laranja: Uma cor agressiva, usada para incitar à ação.
  • Rosa: Romântica e feminina, usada no marketing para mulheres e meninas.
  • Preto: Poderoso e elegante, usada no marketing de produtos de luxo.
  • Púrpura: Usado para tranquilizar e suavizar, usado em produtos de beleza e antienvelhecimento.

4 – Cor e segmentação. As cores também podem ser usadas para atrair tipos específicos de compradores. Por exemplo, as cores vermelha, laranja, preta e azul real são usadas para atrair os compradores por impulso. Já o azul marinho e o azul petróleo (“teal”) são mais atraentes para compradores que estejam com o dinheiro contado. Finalmente, compradores mais tradicionais são atraídos por tons de rosa e azul celeste.

5 – Design. Além das cores, o conjunto da decisões de design adotadas no site são fundamentais para as vendas. Segundo o infográfico, 42% dos consumidores baseiam inteiramente no design a sua opinião sobre um website, sendo que 52% dos compradores decidem não retornar a um site devido ao impacto estético geral.

6 – Rapidez. 64% dos compradores online podem deixar de comprar um produto caso o site esteja muito lento. Um estudo da Amazon.com revela que cada 100 milissegundos a mais de espera no carregamento de uma página representam 1% de queda nas vendas.

7 – Poder das palavras. 52% dos consumidores terão maior probabilidade de entrar em uma loja caso ela tenha um cartaz de “Liquidação” na vitrine, enquanto 60% terão maior probabilidade de comprar um produto que tenha a palavra “Garantia” associada a ele.

Esta pequena compilação de dados da Kissmetrics, já possibilita estabelecer um conjunto mínimo de critérios para avaliar a estratégia de design adotada em seu website e implementar correções com alto potencial de impacto sobre a sua taxa de conversão. Precisa de ajuda? Entre em contato pelo formulário a seguir.







Comunicação visual para vender

No último artigo, abordamos a importância do marketing integrado para consquistar visibilidade e sucesso em vendas com o website da sua empresa. O marketing assim como toda a comunicação precisa estar em sintonia com os objetivos da empresa.

Há poucos dias, Alex Oliveira publicou neste blog um artigo intitulado “Composto de comunicação: integrando as mensagens que convergem para sua marca”. Uma das frases em que você deve prestar atenção ao ler esse artigo é: “quando sua marca envia mensagens confusas ou ambíguas, você acaba afugentando clientes em vez de atraí-los.”

É por esse motivo que você precisa criar um conceito visual vendedor para que o seu website e toda a ação de comunicação de sua empresa na internet seja um grande sucesso.

Num primeiro momento, é imprescindível que você defina o que você deseja que seus clientes façam em seu site e o que você quer que eles pensem sobre sua marca, produtos e serviços.

Definir esses detalhes nem sempre é tão fácil quanto parece. Muitas vezes, será necessário recorrer a um especialista para ajudá-lo a encontrar as melhores respostas.

As pessoas são a chave para o sucesso do seu projeto na web. A escolha do grupo de profissionais que fará do projeto do seu website um sucesso precisa considerar vários fatores.

Em primeiro lugar, tenha sempre em mente:

  1. o que você deseja comunicar através de seu site,
  2. quais são seus principais objetivos e
  3. qual é seu plano editorial base.

Outra etapa importante é identificar o seu público-alvo, possibilitando o desenvolvimento de mensagens promocionais que demonstrem sua disposição em satisfazer as necessidades desses clientes, despertando o interesse e conquistando a preferência por sua marca.

Tendo definido estes pontos primordiais – objetivos, público alvo e conteúdo editorial – chega o momento de iniciar o projeto de elaboração do layout do website. Nesta fase, é aconselhável estudar websites no Brasil e no exterior que sejam modelos de sucesso, analisando-os do ponto de vista do usuário – seus clientes potenciais.

Ao selecionar alguns modelos interessantes para adaptação à sua empresa, procure identificar características que possam ser aprimoradas como:

  • Estudo de paleta de cores
  • Opções de diagramação
  • Destaque para as informações mais importantes
  • Estudo de tipologia
  • Legibilidade (tipologia, contraste, harmonia, alinhamento)
  • Usabilidade
  • Aspectos gerais do Design

Esquematicamente, o processo tem três passos. Primeiro, defina os objetivos de marketing. Em seguida, decida o que você deseja que o usuário (cliente) faça dentro de seu site. Finalmente, defina a mensagem visual e textual que você precisa transmitir ao cliente para que ele faça o que você quer.

É a partir desses objetivos que a sua equipe de profissionais de desenvolvimento web (webmaster, programador, diretor de arte, editor de conteúdo) sob a coordenação de seu consultor de comunicação e marketing online poderá encontrar as melhores soluções em termos de tecnologia, design e texto para seu site.

Lembre-se: a criação de uma proposta de comunicação visual vendedora para o seu website depende do sucesso de cada etapa do projeto, além da sinergia dos profissionais que fazem parte da equipe a seu serviço.

O nosso objetivo é ajudar você a expandir a presença online da sua marca e fazer crescer seus negócios. Para contratar uma empresa qualificada para articular uma estratégia de comunicação a partir dos objetivos de sua empresa, entre em contato através do formulário a seguir.