Géssica Hellmann & Alex Oliveira

Missão: Registramos neste blog nossas pesquisas e nosso pensamento profissional sobre produção e marketing de conteúdo.



Siga-nos!

   Perfil no Google Plus Feeds RSS


Gostou? Divulgue!

Você tem um blog e gostou de nosso conteúdo? Adicione um botãozinho para nós em seu blogroll. Basta copiar o código a seguir!

O resultado será:
Pesquisa - Redação - Projetos Editoriais



Direitos Autorais

O conteúdo deste blog é protegido por direitos autorais. Se você quiser reproduzir na web qualquer conteúdo originalmente publicado aqui, lembre-se de atribuir a autoria a Géssica Hellmann & Cia. Ltda e incluir um link direto para página de onde copiou o conteúdo.
Licença Creative Commons

Licença Creative Commons
Para mais detalhes, consulte nossa página sobre Direitos Autorais

Protegido contra plágio

Protected by Copyscape Online Plagiarism Test


Os cinco estágios de evolução do blog marketing

Arquivos: , , , , ,

Autor: Géssica Hellmann | Data: 07/12/2012 |


Já avaliamos exaustivamente os múltiplos benefícios da publicação periódica de artigos em um blog empresarial: oportunidades de rankings no Google, aumento no número de visitas ao site, aumento no número de oportunidades de vendas, posicionamento de sua marca como autoridade no segmento, aumento geral da credibilidade de sua empresa, entre muitos outros objetivos de comunicação e marketing.

Ou seja, é inegável que o blog empresarial é uma ferramenta eficiente. A questão agora é saber como essa eficiência se manifesta na prática. Em poucas palavras: o que você deve esperar de seu blog empresarial após três meses, seis meses ou um ano?

Para responder a essa pergunta, consolidamos em um único gráfico os estágios típicos de evolução de um blog empresarial com uma periodicidade entre 4 e 8 publicações mensais ao longo de seus 12 primeiros meses de existência. Observe a figura a seguir.

Estagios de evolucao do blog marketing durante os primeiros 12 meses de atividade. Imagem por Géssica Hellmann & Cia.

Estagios de evolucao do blog marketing durante os primeiros 12 meses de atividade. Imagem por Géssica Hellmann & Cia.

  1. Entrada. Neste primeiro estágio, o conteúdo do blog estabelece o seu primeiro contato com um número relativamente reduzido leitores. O estágio de “Entrada” é o momento em que os editores do blog procuram conhecer os públicos da empresa, testando temas, abordagens e estratégias de SEO (otimização de sites), medindo resultados e realizando ajustes. Quanto ao público, pode-se dizer que, neste estágio, ainda está “pagando para ver” se a publicação vai realmente se consolidar ou se vai se tratar de mais um blog empresarial de vida curta como tantos outros.
  2. Crédito. No segundo trimestre de atividade constante de publicações, os editores certamente já terão “acertado a mão” no gosto do público. A sequência de publicações de cada vez mais alta qualidade faz com que o público aumente gradativamente o crédito de confiança na publicação como fonte de informação útil e abalizada.
  3. Buzz. O início do segundo semestre de publicações constantes no blog da empresa costuma mostrar a conquista de uma base de fãs que começa a criar burburinho (em inglês, “buzz”) em torno da publicação. Este é o momento em que se começam a se multiplicar os links espontâneos em outros blogs, as menções em artigos, o compartilhamento espontâneo de conteúdo nas redes sociais. É comum observar uma rápida evolução no número de visitas e o ganho rápido de visibilidade nos buscadores.
  4. Solidez. O quarto trimestre costuma mostrar a consolidação do blog empresarial como fonte de informação privilegiada em seu mercado. A espiral de crescimento iniciada no terceiro trimestre, na fase de “Buzz”, pode se manter alta ou continuar se acelerando nesta fase. Tornam-se cada vez mais comuns na web as citações, menções espontâneas e compartilhamento do conteúdo do blog da empresa nas redes sociais. Caso o blog tenha um objetivo explicitamente comercial/promocional, é comum observar também um forte crescimento na taxa de conversão, com geração de um número crescente de leads por 1000 visitas.
  5. Força para a Marca. Após 12 meses de atividade, o blog da empresa já se consolidou como um importante ativo para desenvolvimento marca. Este é o momento de utilizá-lo de outras forma ainda mais integradas à estratégia da marca, buscando ampliar sua influência sobre um público mais amplo e variado.

Essa evolução do blog empresarial pode ser mais lenta ou mais rápida conforme a ação de algumas variáveis. Vamos ver as três mais importantes.

  • Número de publicações mensais. É fato comprovado em pesquisa que mais conteúdo traz mais visitas mais rapidamente. Se tudo o mais permanecer constante, um site com 8 publicações mensais tenderá a crescer mais rapidamente do que um blog com 4 publicações mensais e mais lentamente do que outro blog com 12 publicações mensais.O número ideal de publicações mensais é o que equilibra a necessidade de rapidez na busca de resultados com a disponibilidade orçamentária da empresa. Quanto maior o número de publicações, mais rapidamente cresce o número de visitas ao site e mais rapidamente ele atravessa os estágios de desenvolvimento.

    Em termos práticos, um número menor do que 4 publicações mensais só é recomendado em casos de limitação orçamentária extrema, sendo queum número menor do que 2 publicações mensais é absolutamente não recomendado. Os números típicos ideais para a periodicidade de um blog empresarial se situam entre 4 e 12, isto é, entre 1 e 3 publicações semanais.

  • Concorrência. Quando o seu blog entra em um mercado com pequeno número de concorrentes com conteúdo de qualidade menos do que razoável, o progresso tende a ser muito mais rápido do que nas situações em que ele terá de enfrentar competidores experientes, que já tenham adquirido reputação como bons provedores de conteúdo.
  • Divulgação. Quando a empresa opta por adotar uma divulgação mais intensiva para o blog, por exemplo, adotando uma campanha publicitária de apoio, ele tende a progredir muito mais rapidamente do que quando a empresa decide apenas esperar pela evolução do conteúdo do blog nos resultados orgânicos do Google.

Em resumo, o blog empresarial deve ser encarado como um projeto cujo retorno depende da continuidade e da intensidade dos esforços nele depositados. Ao adotar um blog para sua marca, a empresa faz a opção de exercer influência direta sobre seus públicos, um objetivo de importância inegavelmente estratégica que demanda a alocação de recursos compatíveis. A empresa deve equilibrar sua disponibilidade orçamentária com os resultados desejados, ajustando o número de publicações mensais conforme a concorrência e, preferivelmente, apoiando esse conteúdo com uma campanha publicitária específica pelo menos em seu estágio inicial. Agindo assim, a sua empresa contará, em 12 meses, com uma importante publicação exercendo influência direta sobre os principais públicos de interesse da sua marca.

Precisa de ajuda? Entre em contato pelo formulário abaixo!







Artigos relacionados

Os comentários estão fechados.