De que adianta aparecer no Google se ninguém consegue navegar no seu site?

Nesta semana, recebi 3 contatos de clientes potenciais solicitando orçamentos para otimização de seus websites. Em todos os casos, o site só funcionava no Internet Explorer. Simplesmente era impossível abrir as páginas desses sites no Firefox, no Safari e até no Opera!

(Se você não conhece o Opera, explico que, entre outros motivos, meu espanto vem do fato de esse navegador consegue abrir praticamente tudo o que roda na web, até o que não deveria funcionar…)

Alguém poderia perguntar: “ora, o Internet Explorer não é o navegador mais usado”?

Resposta: sim, é.

“Então, não faz sentido otimizar seu site para o IE e deixar pra lá esses outros navegadores exóticos que quase ninguém usa”?

Resposta: Não, de jeito nenhum!

Estima-se que o Internet Explorer seja usado, nesta data, por 74,80% dos usuários web do mundo. Isso significa dominância, não monopólio. Faça as contas:

100% – 74,80% = 25,2%

Mais do que 1 em cada 4 usuários web NÃO USAM o Internet Explorer!

Isso significa que, caso seu site seja compatível apenas com usuários web que usam o Internet Explorer, você estará alienando 252 em cada 1 mil visitantes do conteúdo de seu site!

São 252 oportunidades de venda que você vai perder.

São 252 clientes que você não vai ganhar.

São 252 leitores que você não vai ter.

O caso fica mais grave no caso de campanhas de Links Patrocinados. Se você está pagando uma pequena fortuna por clique, será que pode se dar ao luxo de jogar fora 252 cliques em cada 1000, porque essas pessoas acessam seu site mas não conseguem navegar dentro dele?

Precisa de ajuda? Entre em contato pelo formulário abaixo!
[si-contact-form form=’1′]