Géssica Hellmann & Alex Oliveira

Missão: Registramos neste blog nossas pesquisas e nosso pensamento profissional sobre produção e marketing de conteúdo.



Siga-nos!

   Perfil no Google Plus Feeds RSS


Gostou? Divulgue!

Você tem um blog e gostou de nosso conteúdo? Adicione um botãozinho para nós em seu blogroll. Basta copiar o código a seguir!

O resultado será:
Pesquisa - Redação - Projetos Editoriais



Direitos Autorais

O conteúdo deste blog é protegido por direitos autorais. Se você quiser reproduzir na web qualquer conteúdo originalmente publicado aqui, lembre-se de atribuir a autoria a Géssica Hellmann & Cia. Ltda e incluir um link direto para página de onde copiou o conteúdo.
Licença Creative Commons

Licença Creative Commons
Para mais detalhes, consulte nossa página sobre Direitos Autorais

Protegido contra plágio

Protected by Copyscape Online Plagiarism Test


A sua empresa está participando da WEB 2.0?

Arquivos: , , ,

Autor: Géssica Hellmann | Data: 30/05/2008 |


Todos os dias ,ao navegar pela web, encontro sites de empresas que poderíamos chamar de “bonitinhos”, desenvolvidos sem o devido conhecimento sobre o que realmente é necessário para gerar audiência: conteúdo visível para os buscadores.

Mas digamos que você contratou um bom desenvolvedor e construiu seu site empresarial em uma linguagem acessível aos buscadores, de forma simples e eficiente. Isso é suficiente para atrair o público tão desejado para o seu site?

Eu respondo: não, pois fazer o site é apenas o primeiro passo! O segundo passo envolve o combate em duas frentes: o link building e Marketing em Mídias Sociais.

Em primeiro lugar, a quantidade de links externos (backlinks = links em outros sites que apontam para o seu domínio) tem relação direta com a audiência e o posicionamento de seu site nos mecanismos de busca. Quanto mais links de qualidade apontarem para o seu site, melhor o posicionamento no mecanismo de busca, aumentando a audiência de forma orgânica para o seu site.

Quantos backlinks são necessários para que meu site ganhe relevância? Depende de vários fatores que precisam ser analisados: seu nicho de mercado, sua concorrência, a indexação de suas páginas. Posso afirmar desde já que criar esses backlinks é possível, porém exige trabalho intenso. Por outro lado, um investimento em criação de backlinks, em muitos casos, pode ser mais econômico que a publicidade através de pagamento por clicks (SEM), pois gera resultados continuamente por muitos anos.

Em segundo lugar, você precisa se tornar conhecido, ou seja, se tornar presente e participativo nos locais onde seu público se encontra: as Redes Sociais. Uma estratégia que pode ser utilizada é o Marketing Viral em Mídias Sociais.

As pessoas estão fartas de ver anúncios pop-up e mensagens de spam. O marketing viral se diferencia porque é uma técnica usada para agregar valor à sua marca. O marketing viral em mídias sociais, quando utilizado corretamente, permite que você seja conhecido por um grande número de clientes potenciais, sem que você precise promover pessoalmente o seu produto.

Você pode, por exemplo, criar um vídeo divertido abordando um case do mercado que você trabalha, de forma envolvente. Você pode criar uma animação interativa ou um jogo, e divulgá-los nas redes sociais, atribuindo a criação à sua empresa. Você pode também criar podcasts e escrever artigos que não promovam diretamente seu produto, mas que transformem a sua empresa em uma fonte de referência de informações em seu mercado. Seja criativo e, acima de tudo, torne-se presente e aberto à conversação.

Se você tem ignorado o que vem acontecendo na WEB 2.0, a sua empresa está prestes a ser deixada para trás. Sara Perez afirma que “WEB 2.0 está criando uma mudança drástica na maneira que as empresas e clientes se relacionam.” O diálogo está acontecendo, você precisa fazer parte dele!

As pessoas estão cada vez mais utilizando aplicações da WEB 2.0, blogs, redes sociais, wikis. Feed RSS. A interação, a sociabilização e o diálogo estão em toda parte: participe você também!

Quer conversar mais sobre o tema? Vamos conversar! Entre em contato pelo formulário abaixo!







Artigos relacionados

Os comentários estão fechados.